Trilha e Flutuação

O passeio inicia-se com uma agradável caminhada pela mata ciliar dos Rios Olho d’Água e Prata. Esta trilha interpretativa é protegida por uma RPPN – Reserva Particular do Patrimônio Natural. O percurso passa por árvores centenárias, orquídeas e bromélias e é possível avistar diversas espécies de aves e muitos mamíferos como: quati, macaco prego, queixada, cotia, tamanduá, cateto.

Ao chegar na nascente do Rio Olho D’Água, uma imensa piscina natural de águas cristalinas, o guia ajudará todos a se equipar com máscara e snorkel e treinar a flutuação para a exploração dos arredores.

Após essa preparação inicia-se a descida do rio. A suave correnteza leva os visitantes calmamente por um passeio em um mundo subaquático, habitado por dezenas de espécies de peixes e plantas aquáticas. Cardumes de piraputangas, dourados, curimbatás, piaus, matogrossinhos e outros peixes do Pantanal são alguns dos companheiros durante a descida pelo rio. São cerca de 1,7 km de percurso descendo o Rio Olho d’Água, até o encontro dos rios Olho D’Água e Prata. A partir deste encontro, chamado de “Barra”, a flutuação segue pelo Rio da Prata, por mais 600 metros.
Ao retornar para a sede da fazenda, um delicioso almoço, tipicamente sul-mato-grossense, estará à sua espera. Há também variedades de doces caseiros e o nosso famoso Doce de Leite!

Para relaxar depois da aventura o ideal é dar uma esticadinha no redário da fazenda e contemplar a natureza. Também temos a opção de encerrar o dia com um passeio a cavalo pelos campos da fazenda. Atividade ideal para curtir o Pôr do sol sul-mato-grossensse.